24/01/2013

Decoração com aquários

Olá povo, as vezes eu fico imaginando onde se esconde as ideias. Tem dias que elas estão guardadas no fundo de um baú enterrado em algum lugar distante... gostaria de escrever mais no bloguinho, uma vez que estou com tempo, mas parece que o tempo e as ideias não comungam do mesmo espaço no meu cérebro. Em um prazo de trinta dias as melhores idéias vão surgir sem dúvida às 23:59h do 29º dia, e eu me pergunto porque não pensei nisso antes? Esta é a questão deste tópico, eu amo aquários, em toda minha infância tive aquários, antes de vir para Portugal eu tinha aquário.. só aqui que ainda não.. e eu pergunto-me: porque nunca falei de decoração com aquários aqui no bloguinho?? Bem... vamos falar sobre qualquer coisa de decoração com aquários.


Na verdade aquário não é simplesmente um objeto de decoração como não o é o seu cachorro, gato, periquito e papagaio. O aquário é vida e como todo ser que tem vida necessita de cuidados, carinho e atenção. Lembrando que os peixes assim como todos os outros animais também sentem a presença e ausência do dono. Lembro que no meu aquário todos os peixes seguiam o estalar dos meus dedos, se acostumaram com as minhas mãos dentro da água e alguns até se apresentavam para receber e dar carinho neste momento, apesar de alguns aquariofilistas não recomendarem essa prática, eu recomendo! heheheh Lembro-me que sofria com os partos, alegrava-me com o nascer e o crescer e entristecia-me com o morrer. Enfim faziam parte de minha família... mas recordações à parte tudo isso é para dizer que só vale uma decoração com aquário se você sentir esse mesmo amor pelos peixinhos. Partindo então do pressuposto que você ou seu cônjuge ou seus filhos é um amante dos peixinhos e possuem um aquário em casa é hora de usá-los para decorar o ambiente.

A maioria das casas que tem aquários, não se preocupam com a decoração,, na verdade possuem aquele  paralelepípedo de vidro cheio de água com um pé e uma tampa feitos em madeira pelo marceneiro da esquina ali do lado, colocam num canto da parede da sala e simplesmente subjugam a um segundo plano na decoração, como um objeto que parece que não pertence àquele local. Para acabar com este pensamento vamos ver algumas soluções interessantes para você usar o seu aquário integrado ao ambiente.



Aquários como mesa de centro

Cenas de Procurando Nemo.
Talvez penses que há aqui uma excelente solução, na verdade é até mesmo bonita e interessante mas não dá para recomendar, uma vez que o aquário deve ficar em local quieto, tranquilo, livre de barulhos e agitações e bater no vidro do aquário é extremamente torturante para o peixe (ou ninguém aqui assistiu a Procurando Nemo?). Como mesa de centro, o aquário está sujeito a agitações, conversas, ponta-pés além de suscetível a toda sorte de problemas estando ao alcance das criancinhas mal-educadas do século XXI, que as mães acham super fofas, "guti-guti"


AQUARIO2

Aquários suspensos

Bem esses aquário são super modernos e vai bem em qualquer casa 'moderna' dando aquele ar high-tech ao ambiente. Lembrando que aquários também são excelentes pontos de iluminação, dando ao ambiente um ar relaxante quando apagamos todas as luzes e apenas a do aquário fica acesa, ouvindo um som de Richard Clayderman  eu volto automaticamente ao final da década de 80 e inicio de 90 era assim que eu passava alguns fins de tarde na era pré-redes-sociais. Sim eu ouvia Richard aos 10 anos de idade e amava ouvir esta música e esta aqui do disco de vinil!



Separando ambientes

Muitas pessoas não sabem como separar ambientes sem segmentar os espaços. Os aquários são ótimos integradores de ambientes uma vez que a transparência e a turbidez da água dá uma certa privacidade sem enclausurar o espaço. Neste caso grandes aquários prestam bem ao serviço, seja à meia altura ou a parede completa. 




in_house_aquarium_6.jpg

aquarioaquabase2

Assumindo posição de destaque

Ao invés de ficar renegado a um segundo plano, porque não assumir a existência do aquário e fazê-lo o ponto central da casa?


30 ideias incríveis de decoração com aquários


Aquário nos quartos

Lembre-se aquário precisa de lugar calmo, o ambiente perfeito pode ser o seu quarto. Ele ajuda a acalmar a relaxar e dormir. O aquário no quarto dá uma ar jovial em qualquer situação. 




ffishdotcomdotbr4

Aquário externos
Esses aquários rústicos são excelentes  para jardins, terraços, pátios (desde que não tenha gatos) integrado a uma pequena fonte fica mais  realístico ainda. tem-se que ter cuidado com as intempéries como chuva, vento, sol e frio excessivos e lembando sempre que peixes pulam por isso é sempre bom manter o aquário fechado para evitar encontrar peixes mortos no chão.  



Aproveitando espaços inusitados

Vão de escada



ffishdotcomdotbr3
Pé da estante

projetodebanheirodotcomdotbr
casas de banho e lavabos

Pois é gente, aquário tem um certo custo inicial, entretanto a manutenção não é tão dispendiosa, a comida, a eletricidade e os remédios são baratos. Para saber mais sobre manutenção de aquários, espécies e cuidados eu indico esse site http://www.aquahobby.com/

Apenas um AVISO: na criação do móvel há que se prever a fácil retirada do aquário do mesmo para manutenção, ainda que esta não precise necessariamente ocorrer pelos próximos 10 anos (Pelo menos o meu nunca precisei remove-los de sua moldura de madeira, a não ser quando a tive que trocar) entretanto, a manutenção pela abertura do aquário é frequente, colocar comida, retirar animais mortos ou fixar plantas no substrato ou simplesmente mudar o paisagismo do aquário requer um certo espaço de manutenção na parte superior portanto, antes de pensar em um aquário que vá do piso ao teto pense nessas questões de manutenção. Grande abraço!! E se você tem alguma decoração interessante com aquário mande-nos que  mostraremos as fotos aqui.


fontes das fotos:
http://www.ionline.com.br/
http://www.dicaslegais.net/
http://www.blogdaaltana.com.br
http://rosanafe.wordpress.com
Mais informações

19/01/2013

Clássicos do design como usar?

Esta semana tem parecido "a semana das cadeiras" no bloguinho, mas sabe como é né? Uma coisa puxa outra  e as idéias fluem em sequencias quase como uma roda de ciranda* com todos de mãos dadas e tudo por causa de Brad Pitt. hehehe. As vezes, um ou outro comentário quebra o ciclo 'cirandístico' e surgem posts diferentes  'ex nihilo', mas... dada a crise que assolou o mercado de comentários tornando-o escasso aqui no bloguinho... sigo o meu fluxo de pensamento... bem e o fluxo foi assim... fiz um post sobre o designe dos móveis da Pitt-polaro (os móveis desenhados pelo Brad Pitt) depois mostrei o tributo ao verdadeiro design de cadeira feita pelo Pablo Zárate e agora vou falar sobre qualquer coisa da utilização dessas peças chaves.

 - Um pouco da cultura brasileira.-*Ciranda é uma dança típica original de Pernambuco-Brasil, originalmente dançada pelas mulheres dos pescadores que festejavam a volta de seus maridos. É feita dando-se as mãos formando uma grande roda ao som de uma música de ritmo lento e pequenos estrofes que se repetem, acompanhado por instrumentos de percussão.  A cirandeira mais famosa do Brasil é Lia de Itamaracá!

Não adianta querer dar uma de decorador se você não conhece os mais famosos designs do mundo, o mundo se constrói sobre histórias e o não conhecimento destas nos torna mero objetos do acaso ao invés de um profissional que sabe o que usa, porque usa e quando usa. 

É obvio que se vamos falar de design de mobiliário, ao meu ver duas cadeiras não podem faltar as Barcelonas e as Pantons e são sobre estas que iniciamos esta série sobre designe de mobiliário.

Barcelonas

As originais de 1929

Já contei aqui a história desta cadeira, ela é sem dúvida um marco no designe de móveis. 10 a cada 10 arquitetos veneram-na, amam-na e indicam-na. Esta cadeira vai bem em qualquer espaço de descanso, estar, hall e afins. Seja uma decoração vintage, seja contemporânea, seja minimalista, sejam as mais extravagantes. Vai bem quase todos os ambientes das casa. Desde um simples cantinho para leitura até na sala de estar. Com as barcelonas não há erros, entretanto as originais fabricadas pela Knoll são caríiiiiissimas chegando aos 7500 euros brincando (segundo o preço de catálogo da Knoll), as "alternativas" e que é a que toda gente que tem, tem, cumpre o mesmo efeito desde que que tenha qualidade. Se o rei da Espanha usa as falsificadas quem dirá eu um plebeu do terceiro mundo. A "Barcelona's chair" é uma marca registrada da Knoll desde 1953 e é produzida segundo as especificações originais de Mies van der Rohe, cuja assinatura vai gravada em cada peça juntamente com o logotipo da KnollStudio.

na sala 
     

no quarto
                                       
                                                                     

        
num cantinho de leitura.                                                     espaços corporativos




Panton

Já as cadeiras Pantons são incrivelmente futuristas até os dias de hoje, a primeira cadeira produzida em uma única peça continua em polipropileno moldado desenhada por Verner Pantone em 1960 e produzida pela Vitra. Esta cadeira leva-te da década de 60 do século XX à década de 60 do século XXI brincando. Comumente utilizada em áreas molhadas como piscinas, varandas, terraços, espaço gourmet e escritórios. Há quem use em outros espaços também como salas e quartos. Requer um pouco mais de cuidado no seu uso nessas áreas para não cair em erros grosseiros de "mobília deslocada". Ao contrário das Barcelonas, as Pantons são encontradas no mercado por $300 dólares americano.

Área externa
cadeira panton  




Salas de jantar

 

Escritórios

Espaços futurístico/ século 21


em quartos



Bem, em posts posteriores falaremos mais sobre outros designers e como utilizar o mobiliário. Restou alguma dúvida? tem algum mobiliário que gostaria que saísse em um post, tem algum mobiliário  e gostaria de uma ideia de uso? comenta aí! Grande abraço e até mais!


fontes
http://www.knoll.com
http://hivemodern.com
http://www.howshouse.com
http://www.modernclassic.cn/
http://blog.verner-panton.de
http://abodelove.blogspot.pt
Mais informações

16/01/2013

Arrumações e Cama que se arruma sozinha

Olá meu povo! como andam as coisas por aí... estava vendo uns sites por aqui e lembrei-me de vocês... decorar um ambiente é uma coisa maravilhosa, que nós, profissionais da área, fazemos em um piscar de olhos em alguns casos, pois conseguimos enxergar o defeito que o dono do ambiente não consegue. Entretanto o maior desafio do arquiteto, designer de interior ou qualquer outro profissional da área não é o de projetar um espaço, mas é o constrangimento de não conseguir ver a manutenção do seu trabalho por muito tempo. 

Não adianta comprar uma casa projetada por Niemeyer para simplesmente criar as galinhas... não adianta pagar por um decorador se você não consegue manter sua casa arrumada. Se bem que tenho constatado que após a decoração as pessoas mudam os seus hábitos e já vi casos de casas se manterem fiéis ao projeto inicial mesmo depois de anos. 

Mas na verdade, eu mesmo, morro de preguiça de arruma minha casa. Este é o meu problema de infância, arrumar meu quarto significava fechar a porta do quarto para a visita não ver, justamente a visita que minha mãe fazia questão de abrir a porta e dizer: "este aqui é o quarto do meu filho" e olhava para minha cara zangada e dizia: "eu mostro que é para você aprender a ter vergonha na cara e arrumar seu quarto". Na verdade vergonha na cara eu até tinha, faltava-me era a disposição e o gosto pela coisa.


Lembro-me também de duas poltronas vermelhas que tinha na casa da minha mãe (tem até hoje), que eu pela manhã colocava-a na posição correta e ia para a faculdade e quando chegava de noite ela estava em outra posição.  Mesmo depois de avisar a minha mãe que a posição ideal da poltrona era aquela e tal, na noite lá estava a poltrona novamente no lugar errado. Fui falar à arrumadeira e ela me saiu com a pérola: "Háaa, é você que desarruma... pois eu tenho que mudar toda manhã, pois eu nunca vi poltrona daquele jeito, é bem melhor do jeito que eu coloco" tá ceeeerta, ela é quem arruma, ela é quem sabe!

Bem, esse tópico saiu depois que eu vi essa belíssima cama que se arruma sozinha, achei fantástico eu compraria com certeza, não pelo design, mas pela função... mas não está sendo fabricada devido à crise européia e o desinteresse da indústria moveleira..  Tá vendo senhor projetista.. se o senhor fosse ator de Hollwood quem sabe...

Vejam-na em funcionamento 



Agora, por favor, alguém quer inventar um quarto todo assim? No início década de 90 minha mãe comprou um super fogão de 6 bocas que tinha como propaganda ter "forno auto-limpante" e eu juro que fiquei esperando  sair essas mãozinhas para limpar o fogão (decepcionado, até hoje não entendi porque era auto-limpante uma vez era a minha mãe que fazia a limpeza do forno).  Acho que foi uma alegria enrustida de criança decepcionada  que me deu quando vi  uma cama "auto-arrumante" de verdade. 

Bem gente, é isso aí um grande abraço e até o próximo posts, gente comenta aí, vossos comentários me inspiram!


Mais informações

13/01/2013

Móveis de design atemporal

Móveis de design atemporal

Depois de ter falado dos designs dos móveis da Pitt-Pollaro, resolvi publicar um outro post falando de Design "de verdade". Na primeira metade do século passado tivemos uma grande enxurrada de mobiliários domésticos cujos os designs os consagraram atemporal. O designer Pablo Zárate fez um tributo às principais cadeiras  desta época com Posters para decorar qualquer escritório da área, eu particularmente gostei muito.
      

Os desenhos ficaram maravilhosos e as informações idem.  E eu reproduzo algumas dessas fotos aqui. Obviamente, não na íntegra.

 

Eu de facto amo esta cadeira, foi criada em 1929 pelo arquiteto Mies Van de Rohe exclusivamente para o Pavilhão Alemão da Exposição Internacional sediada em Barcelona  o ano de 1929, como também é conhecido por pavilhão de barcelona. Esta cadeira tornou-se o ícone do modernismo, uma das características dessas cadeira é obter um produto de designe com possibilidade de  produção em larga escala, um dos preceitos da Bauhaus, com isso Mies se tona um dos pioneiros em projetos de móveis em estrutura de aço tubulares. 

(Não sabe o que é Bauhaus? clique aqui o wikipédia sabe)


Para quem não é engenheiro ou arquiteto, talvez o nome desta cadeira passe desapercebido, mas ele se dá pelo fato de estar apenas apoiada por um elemento estrutural em  apenas um dos lados, ficando o outro em balanço. Esta cadeira é puro fruto de estudo matemático e a beleza da simplicidade de suas linhas nos remete também aos idos de 1925.  Esta forma é, ainda hoje, utilizada em todo o mundo com algumas modificações. Esta cadeira foi projetada por Mart Stam, um arquiteto holandês, que  utilizou tubulação de aço com as mesmas dimensões e encaixes das tubulações utilizada para gás em seus estudos. Dizem às más línguas que isto fez com que Mies o conduzisse à Bauhaus, lançando por esta, a sua cadeira em 1927.


Desenhada pelo arquiteto húngaro Marcel Breuer para a casa do pintor Wassily Kandinsky, agora pensem comigo, "estrutura de aço tubular" + designe + inovação = Bauhaus. Exatamente, Marcel era professor da Bauhaus e dizem às más línguas que ele pensou neste projeto enquanto andava de bicicleta pela rua e ao olhar para o guidão da bicicleta percebeu que ele poderia ser moldado de várias formas, a wassily foi um marco na década de 20 por introduzir aço niquelado nos mobiliários, até então, inédito.   



Harry Bertoia, um italiano que aos 15 anos foi morar nos EUA onde desenvolveu estudos de maleabilidade do metal trabalhando através das malhas juntamente com a ergonomia. Acabou criando em 1952 a cadeira Bertoia que se tornou, pela sua simplicidade, ergonomia e funcionalidade uma das cadeiras mais vendida e procurada no mercado atualmente. O segredo da Bertoia é ir em com tudo desde quem quer uma linha mais retrô até quem algo ultra moderno. Essa cadeira é extremamente utilizada em balcões de "cozinha americana". 


Os Eames são o simbolo do sucesso em designe de móveis pós 1941, não é em vão que ganharam a alcunha de "casal de ouro do designe" americano. Sendo contratado pela marinha no desembocar da guerra para desenvolver macas e talas,  resultou num amplo estudo para moldagem de contraplacados. A cadeira Plywood é uma solução baseada neste conhecimento adquirido,  totalmente moldada em madeira tornando-a ergonômica.O que vai encher as escolas desse tipo de mobiliário até os dias de hoje.


Bem, gente... vocês sabem do meu amor aos móveis e da sua história, qualquer dia publico aqui um trabalho de pesquisa que desenvolvi sobre a origem do mobiliário no Brasil, foi bem interessante viajar nesse mundo. O problema da maioria dos designers de hoje eu não sei... talvez seja realmente necessário chamar atores para projetar por eles... meu medo será o dia em que um médico chamar um engenheiro civil para  auxilia-lo em uma cirurgia. 

ATENÇÃO estou disponível para auxiliar um médico em cirurgias plásticas e quem sabe   surge uma grande marca "Lima-Pitanguy".

Grande abraço a todos!

fonte das fotos: http://www.pablozarate.com
Mais informações

10/01/2013

Móveis desenhados por Brad Pitt

Móveis desenhados por Brad Pitt

Olá gente, interrompi meu inicio de ano caótico (faculdade, estudos, sinusite e torce braba) para enfim tocar em um assunto digamos no minimo interessante que eu lutei em não postar nada sobre: os móveis do Pitt -Pollaro. Já sei que a qualidade dos móveis Pollaro são indescutíveis, a beleza de suas peças também são impar, certo que algumas tem um certo apelo duvidoso. 

Mas as peças que o Pitt desenhou e o Pollaro executou, não me agradaram muito a vista!(ou eu sou muito chato?) Eu sou muito chato...



Essa poltrona que tem um apelo futurístico... nem sei o que digo... talvez seja interessante... 

CC-2 Presidente, projetado em 2009 

E essa cama? Eu não entendi muito bem ou ela tem um chão próprio para ela? Cama orgulhosa!  É impressão minha ou ela tem aqueles apelos futurísticos da década de 80?
PP-2 Bed, designed in 2001
Já estas mesas gostei muito!
Tabela Arc, projetado em 2009Tabela ziguezague, projetado em 2009

mas essas... sei não!
Tabela de cocktail, projetado em 2012Uns zeros e, projetado em 2011
achei interessante esta proposta.
A Tabela de longo prazo, concebido em 2012.
e esta que tem ouro 24k?
Tabela Side Double Helix, projetado 2009
e esta peça que tem por nome altos e baixos.. eu a chamaria "Mondriam" sem maldades, juro!
Altos e baixos, projetado Unidade de 2012.
Bem é assim... em suma alguns desenhos são interessantes mas me parece que o sentido maior é ter uma peça assinada por Brad Pitt... eu fui u pouco mau neste post, as vezes eu me interrogo se eu deveria ou não falar mal do trabalho dos outros no bloguinho... mas em se tratando de Brad Pitt eu falo, pelo único motivo de que ele não está nem aí para o que eu digo ou deixei de dizer LOL !

E vocês o que acham? podemos então dizer: Pitt volta para as telonas, volta!


Um grande abraço a todos e espero vocês nos comentários e curtindo a nossa fanpage e construindo o nosso vão livre!





Mais informações
Página inicial